Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Clube das Repúblicas Mortas

Clube das Repúblicas Mortas

16
Jul13

Direito natural, ou a falta dele

Henrique Raposo

 

Excerto de recensão publicada no "6ª", suplemento cultural do Diário de Notícias (algures entre 2005 e 2006)

 

"(...) Milhões caíram no paradoxo inerente à ilusão: “as duas ditaduras justificavam a perspectiva moral de rejeição de valores e verdades universais pela afirmação de que a ordem moral era legítimada pelas superiores necessidades da História. O resultado foi um paradoxo filosófico: a moral era determinada pelo curso da História, sendo portanto relativa, mas no entanto os sistemas de valores produzidos pela História estavam imbuídos de um valor absoluto precisamente por serem realidades históricas e não princípios abstractos” (p. 347). Hitler e Estaline lideraram universos morais autónomos, verdades internas sem referências éticas exteriores. Resultado: os crimes perpetrados não foram vistos, na época, como crimes mas como tarefas necessárias para o Bem colectivo. Foi esta “inversão moral que tornou possíveis os regimes mais assassinos do século” (p. 350). O Gulag não foi um erro de casting da Utopia comunista. Foi uma arma dessa mesma Utopia. O Gulag e Auschwitz “funcionaram como consequência lógica das ideologias” (p. 696)".

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

  •  
  • Henrique Raposo:

  •  
  • Rui Ramos:

  •  
  • Notícias

  •  
  • Revistas

  •  
  • Blogs

  •  
  • Arquivo

    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2013
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2012
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2011
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2010
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2009
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D