Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Clube das Repúblicas Mortas

Clube das Repúblicas Mortas

04
Dez12

Da série "bravo mas pouco inteligente"

Henrique Raposo

Meu caro Passos Coelho, continuo a ter consideração por V. Exa. Aceitar governar
Portugal no pós-Sócrates foi mais ou menos como aceitar treinar o Benfica no pós-
Artur Jorge. Só isto chegava para que V. Exa. merecesse algum respeito. E, para mal
dos pecados dos seus inimigos internos e externos, este respeito aumenta quando
percebemos que a sua governação começa a dar resultados. Os juros da dívida e as
importações começaram a descer, e as exportações continuaram a subir. Ou seja,
vamos a caminho de um excedente. O maior dos nossos males – o desequilíbrio entre
exportações/importações associado a baixa poupança - está a ser eliminado a uma
velocidade jamaicana. É bom que se perceba que a estrutura do edifício, a começar no tal
Estado Social, depende deste equilíbrio externo.
O que é espantoso é que V. Exa. não consegue colocar este e outros sucessos na agenda.
Eu sei que há uma má vontade epidérmica dos jornalistas ante um governo direitolas,
mas isso não explica tudo. V. Exa. e o seu partido têm o problema contrário do PS e
do seu antecessor: sabem para onde vão, mas não têm jeito para o discurso político.
Em política, não basta ter razão, é preciso saber comunicar. Sugiro-lhe, portanto,
uma mudança de estilo para o segundo ano do governo com mais coragem em várias
décadas: fale menos, e quando falar explique as coisas em português e não no latim
dos economistas. Por favor, arranje tradução simultânea para as conferências de Vítor
Gaspar e deixe de usar termos como “desalavancagem”, “ajustamento”, “balança de
pagamentos”. Ou melhor, use essa linguagem quando comunicar com o exterior/
mercados, mas não se esqueça da língua portuguesa quando falar para os portugueses.
Boa parte das pessoas ainda não percebeu a crise e a consequente terapia, porque V. Exa.
parece um daqueles padres antigos a fazer homílias em latim.

 

Pequeno texto na secção de política do Expresso, 11 de Agosto

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

  •  
  • Henrique Raposo:

  •  
  • Rui Ramos:

  •  
  • Notícias

  •  
  • Revistas

  •  
  • Blogs

  •  
  • Arquivo

    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2013
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2012
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2011
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2010
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2009
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D